sexta-feira, 17 de junho de 2016

Médiuns intuitivos

Médiuns intuitivos

A transmissão do pensamento se dá através do Espírito do médium, ou melhor, de sua alma, pois que por este nome designamos o Espírito encarnado. 

Neste caso o Espírito estranho não age sobre a mão para fazê-la escrever: não a domina, não a guia: age sobre a alma, com o qual se identifica. Sob tal impulso, a alma dirige a mão e a mão dirige o lápis. 

Notemos aqui uma coisa importante: é que o Espírito estranho não se substitui à alma, pois não poderia deslocá-la; domina-a sem que 
ela o perceba e lhe imprime a sua vontade. 

Neste caso, o papel da alma não é absolutamente passivo, pois é ela quem recebe o pensamento do Espírito estranho e o transmite. 

Nessas condições, o médium tem consciência do que escreve, posto não seja o seu próprio pensamento; ele é o que se chama médium intuitivo.



Trecho extraído do 
(livro dos médiuns)
Allan Kardec

Nenhum comentário:

Postar um comentário