quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Tema: Simpatias e Antipatias Terrenas


Palestra Virtual

Promovida pelo Canal #Espiritismo
http://www.irc-espiritismo.org.br


Tema: Simpatias e Antipatias Terrenas

Palestrante: Vera Sá

Rio de Janeiro






Organizadores da palestra: 

Moderador: "Macroz"(nick: |Moderador|)
"Médium digitador": "_Stone"(nick: Vera_Sa)

Oração Inicial:

Senhor Jesus, aqui estamos, mais uma vez reunidos em Teu nome, buscando um entendimento maior das Leis Divinas através do estudo da Doutrina Espírita. Que possamos contar com a ajuda dos amigos da espiritualidade maior nos intuindo a seguir a direção, nesta palestra, para onde mais estamos necessitados de entendimento. Abençoe a nossa companheira Vera que tem hoje a responsabilidade de conduzir nossos pensamentos. E que possamos sair daqui com um pouco mais de conhecimento sobre os assuntos que dizem respeito a nossa vida espiritual. Fique conosco, Senhor, hoje e sempre! Que assim seja!

Considerações iniciais do palestrante: 

Boa noite a todos. Para iniciarmos a nossa conversa na noite de hoje, é importante que sinalizemos algumas idéias básicas que os espíritos trouxeram para nós e que encontramos no "Livro dos Espíritos", nas perguntas 386 a 391. Vamos lá na 386(Será bom que vocês peguem o "Livro dos Espíritos" :)))) Na 386, quando se pergunta se dois seres que se conheceram e estimaram, ao voltarem em nova existência corporal se reconheceriam, os espíritos deixam claro que reconhecer-se não, mas "podem, porém, sentir-se atraídos um para o outro. E quando, na pergunta 390, assim nos colocam: que a antipatia instintiva pode derivar de diversas formas de pensar e nem sempre da "natureza má" dos espíritos, vale a pena a reflexão: Por que será que dizemos: “Nossa! Por mais que eu tente, eu não consigo ir com a cara do fulano?” Outra: “Engraçado, parece que eu te conheço há tanto tempo! Você não acha?” Outra: “Meu ‘santo’ não vai com o dele!” Outra: “Sabe de uma coisa: Eu acho que é uma questão ‘de pele’. Ou será de ‘sangue’? Ou será de ‘energia’”. Então existe antipatia e simpatia à primeira vista? Será reencontro do passado? É bom lembrar(só para estimular vocês aí) que no dicionário, simpatia quer dizer afeição e antipatia, aversão. Na Doutrina Espírita, nós aprendemos que: "Quem se parece se reúne..." Nas cartas de Paulo aos Tessalonicenses, encontramos: "Observa o que fazes de ti, em que te trocas. Ainda que o não reconheçamos, de pronto, cada um de nós se dá por aquilo que busca. Examinai tudo e retende o Bem." (t)

Perguntas/Respostas:

<[Moderador]> [1] Pode um obsessor gerar ondas de antipatia entre duas pessoas que se amam?

As ligações de simpatia e antipatia ocorrem de encarnado para encarnado, mas também de desencarnado para desencarnado. Basta que haja a sintonia. Simpatia é diferente de mera cordialidade, de ser gentil e antipatia também é diferente de apenas "repulsa" por alguém com quem eu "impliquei". Não só as obsessões, como quedas de médiuns, como intuições positivas são influências do mundo espiritual em nossas vidas, permitidas inclusive por nós mesmos. (t)

<[Moderador]> [2] A aversão que algumas mulheres, quando estão grávidas, nutrem pelos companheiros pode ser gerada pela criança que vai nascer?

Na verdade não é tão fácil analisar estes tipos de casos. Se nós formos nas obras de André Luiz, vamos encontrar a preparação da encarnação de Segismundo e verificaremos como as simpatias e antipatias se dão e como esses espíritos recebem apoio na espiritualidade e como a família também é intuída e protegida para que estas relações fluam melhor. Por dedução, podem acontecer casos, dependendo das relações anteriores destes espíritos, ou mesmo dos seus sentimentos, afins ou não, que ocorra o fato descrito por você. Mas cuidado! Não existe "receita de bolo". Cada caso é um caso. (t)

<[Moderador]> [3] Amiga Vera, como explicar o caso em que temos um enorme carinho por uma pessoa, uma grande preocupação com seu bem estar, mas sentimos uma certa repulsa quando percebemos uma aproximação física, um mal-estar simplesmente pelo fato de estarmos perto um do outro no mesmo ambiente?

Será interessante lermos a pergunta 386 do "Livro dos Espíritos" e o sub item a. Verifiquemos que uma parte da resposta dada pelos espíritos com relação a pergunta 388 poderá nos dar material para uma reflexão: "... o magnetismo é o piloto desta ciência, que mais tarde compreendereis melhor. Entre os seres pensantes há ligação que ainda não conheceis." Não podemos também esquecer da lei de causa e efeito, da escolha das provas e das nossas necessidades de vivermos no convívio social, facilitando o nosso progresso espiritual.(t)

<[Moderador]> [4] O fato de sentirmos antipatia por alguém, significa que fomos necessariamente inimigos em outra encarnação?

Não. Podemos ter nessa encarnação idéias contrárias sobre determinado assunto. No "Livro dos Espíritos", nas perguntas 484 a 488, encontramos respostas sobre a afeição que os espíritos votam a certas pessoas: os bons espíritos simpatizam com os homens de bem ou aqueles que se esforçam para chegar lá. Os espíritos inferiores com os homens viciosos ou com tendências para tal. Reforce essa questão com a pergunta 390 do "Livro dos Espíritos". (t)

<[Moderador]> [5] Nos diz o “Livro dos Espíritos” que no estágio de desenvolvimento no qual nós encontramos, estamos mais próximos do ponto de partida do que do ponto de chegada, ou seja, estamos mais próximos de nossa natureza animal do que de nosso futuro angelical. Estando sujeito às inclinações animais, poderíamos sentir uma antipatia INSTINTIVA por certas pessoas ou até mesmo seres vivos da mesma forma que um cachorro sente.

Quando temos dificuldades para explicar, é melhor irmos ao "Livro dos Espíritos". Vamos a Lei do Progresso, pergunta 776: "Serão coisas idênticas o estado de natureza e a lei natural?" A resposta: "Não, o estado de natureza é o estado primitivo. A civilização é incompatível com o estado de natureza, ao passo que a lei natural contribui para o progresso da Humanidade." O homem não retrograda. Ver "Livro dos Espíritos" perg. 778 Tem inteligência, livre-arbítrio e a lei natural está guardada na consciência. O instinto de sobrevivência, ou outro qualquer, perpassa por estas outras questões que já foram levantadas. Vide "Livro dos Espíritos", 71 a 75. (t)

<[Moderador]> [6] Temos duas perguntas que se relacionam: a) A simpatia e antipatia terrenas com pessoas desconhecidas pode ter sua origem em outro fator que não as existências passadas? b) então estas antipatias algumas vezes, se originam nesta atual encarnação ?

No "Livro dos Espíritos", na pergunta 386, encontramos: "Podem dois seres que se conheceram e estimaram encontrar-se em outra existência corporal e reconhecer-se?” A resposta: “Reconhecer-se não. Podem, porém, sentir-se atraídos um pelo outro. E, frequentemente, diversa não é a causa de íntimas ligações fundadas em sincera afeição. Um do outro, dos dois seres se aproximam devido a circunstâncias aparentemente fortuitas, mas que na realidade, resultam da atração de dois Espíritos, que se buscam reciprocamente por entre a multidão" Só que, na verdade, podem não ter se conhecido em outras existências, mas são espíritos afins ou por ideais ou por sentimentos ou por necessidades. São espíritos simpáticos. Não podemos esquecer que isto não quer dizer estarem no caminho do bem. Nossos sentimentos, objetivos e idéias podem estar distorcidos, não acompanhando a Lei Divina. Como também podemos dizer: Somos antipáticos àquele grupo. Mas isso acontece porque nossas idéias se contrapõe às deles, por já conhecermos ou recordarmos a Lei de Deus, que está gravada em nossa consciência. (t)

<[Moderador]> [7] Duas Perguntas, amiga Vera: a) Sou gêmea com um rapaz e, às vezes, me pergunto: parece não haver nada de ligação. Ele segue sua vida, e eu a minha. Pode espíritos sem nenhuma ligação, aproveitarem o mesmos momento para reencarnar ? b) Que fazer quando realmente achamos dificílimo encararmos uma determinada pessoa e precisamos conviver com ela ?

Primeiramente, somos individualidades. Depois, gêmeo quer dizer semelhante e não idêntico ou cópia. Somos semelhantes em origem e futuro e o objetivo da reencarnação é propiciar a nossa volta de forma a facilitar o progresso individual e também coletivo. Ser gêmeo com alguém é uma oportunidade de começarmos a encontrar essa relação mais íntima, buscando nossas afinidades.(t) 

Considerações finais do palestrante: 

Os companheiros aqui do CELD me ajudando numa sintonia simpática[:)))], lembraram dos itens do "Livro dos Espíritos" 207 a 217, particularmente a 213. Na nossa mensagem de encerramento, gostaríamos de dizer que esta experiência é de grande valia para todos nós, mas, principalmente, porque nos oferece a chance não só do estudo, como a oportunidade de usarmos a tecnologia na divulgação doutrinária. Mas existe outra questão de suma importância: no de angariarmos novas amizades. E foi pensando nessas novas uniões "internautas" e nas nossas diferenças individuais e dificuldades de relacionamento do dia a dia, é que deixamos com vocês o nosso agradecimento e a nossa alegria de podermos estar aqui nesta noite. Deixamos do Livro "Veleiro de Luz", de Maria Cecília Paiva a mensagem da página 210, assinada pelo espírito Sarai, da qual retiramos o seguinte: "Quando vossas mãos pegam a rosa linda e perfumada o primeiro cuidado é tirar os espinhos para que não vos firam.  Também, nas vossas relações entre amigos, familiares ou inimigos, procurai a formosura dos sentimentos que sobrepairam nos corações e retirai, cautelosos, os espinhos para que suas pontas agudas não vos firam...". Beijos a todos! (t)

Oração Final:

Agradecemos, Pai amado, por esta oportunidade que nos foi concedida, de aqui podermos compartilhar com nossos amigos e irmãos de momentos valiosos, onde estudamos e divulgamos a nossa Doutrina amada. Que os Bons Espíritos nos permitam sempre estes momentos de fraternidade, união e amor, para que a cada dia possamos dar um passo a frente em nossa evolução e também no auxílio a tantas pessoas necessitadas de entendimento. Obrigada, Pai! Obrigada Mestre Jesus! Obrigada Espíritos Benfazejos! Graças a Deus!

Nenhum comentário:

Postar um comentário